Muitos fatores nos apontam que abrir um salão de beleza é um ótimo negócio. As pessoas possuem cada vez menos tempo e disposição para cultivar a própria beleza em casa – fazer unhas, pintar cabelos, depilar-se etc. Além disso, quando tentamos executar em nós mesmos alguns desses cuidados, o resultado quase nunca é satisfatório! Por isso, independentemente se pensarmos como clientes, empresários ou mesmo colaboradores, chegaremos à conclusão que é válido pagar por um bom serviço.

 

Mas a discussão não para por aí! Vivemos num momento no qual não podemos desconsiderar que o setor da beleza está passando por uma verdadeira revolução. Trata-se de uma enxurrada de inovações em métodos, técnicas, entre outras, tudo para prestar o melhor serviço ao cliente. Empresários deste setor não podem se conformar em atuar da mesma forma ao longo dos anos, pois certamente perderão espaço no mercado de trabalho. A concorrência não tem hesitado em absorver novas tecnologias, adquirir especializações, modificar o ambiente, investir em decoração e conforto e proverem a melhor experiência de atendimento que o cliente poderia ter no seu salão de beleza.

 

Os efeitos da crise no setor da beleza

 

Se você tem medo de investir acreditando que o seu cliente não vai gastar mais com o serviço de salão de beleza, está cometendo um equívoco. A crise econômica não fez com que os clientes ficassem sem dinheiro, mas sim que selecionassem melhor onde vão gastar os seus recursos. Nessa questão da escolha, destaca-se o local que oferece o melhor custo-benefício. Para se encaixar com sucesso nessa demanda, não há necessidade de que você sempre invista pesadamente em novidades, mas sim que saiba priorizar alguns fatores, suprindo as demandas mais urgentes e colocando-se à frente do concorrente.

 

Conforto

 

Conforto é fundamental em qualquer lugar, especialmente se estamos falando de um serviço que envolve contato direto com o cliente. Quase tudo no salão de beleza se encaixa nessa afirmação. Desse modo, pensar em investir em conforto pode ser considerado como uma prioridade, ainda que seja aos poucos. As poltronas da sua sala de espera ainda são as mesmas de antigamente? Troque-as! Faça o mesmo com as cadeiras hidráulicas e com os lavatórios. No momento em que for fazê-lo, considere já escolher cores e temas coerentes com uma possível nova decoração. Ora, você não pretende manter a mesma decoração por todos os anos de existência do seu salão de beleza, certo?

 

Temas e estilos para decorar

Para escolher temas e estilos de decoração, é fundamental que a identidade do seu salão seja bem definida, assim como o seu cliente-alvo. Atende pessoas mais tradicionais? Foque no clássico e vintage, utilizando cores suaves, flores e papéis de parede com desenhos simples, traçados com flores, por exemplo. Seus clientes são mais modernos e arrojados? Invista em cores mais fortes e estampas geométricas para as paredes. É essencial fazer com que tudo seja coerente e que os seus clientes tenham sempre a sensação de que a sua empresa consegue se reinventar e ser melhor a cada ano, sem apagar a essência do negócio.