“Quase metade dos lares brasileiros são sustentados por mulheres.”

Isso é o que diz uma reportagem feita pelo Estado de Minas, postada em fevereiro de 2020.

De acordo com o jornal, o motivo é claro: Os homens foram mais afetados durante a crise causada pela pandemia e a participação das mulheres no mercado de trabalho é crescente.

“[…] Alguns anos atrás, a maior parte das mulheres que eram chefes de domicílio estavam nessa posição basicamente porque haviam se separado do marido e, por isso, foram forçadas a assumir o comando da casa. Hoje, quase metade dessas mulheres é chefe de família mesmo vivendo com o companheiro”.

Além disso, as mulheres entre os 40, 50 e 60 anos:

-Estão cada vez mais presentes nas publicidades e na mídia.

-São um dos maiores segmentos populacionais no Brasil e um dos que mais crescem.

 -São mais centradas em si e possuem uma renda maior do que outros grupos de mulheres.

O que podemos aprender com isso?

  1. Elas se tornaram um grupo atraente para investir.
  2. Além de sustentarem lares sozinhas, essas mulheres também são tomadoras de decisão dentro dos núcleos familiares.
  3. O número de mulheres chefes de domicílio vai continuar aumentando.

Acima de 50 e esquecida?

Quantas vezes alguns produtos ou serviços para mulheres acima de 40 anos parecem que foram pensados para mulheres muito, mas muito mais velhas?

Sejamos honestos:

Muitos.

Pense se realmente o seu conteúdo, serviço ou produto vai atrair esse grupo.

Não?

Agora olhe para o seu próprio salão, spa ou clínica. Suas mensagens de marketing têm promovido generalizações, estereótipos, clichés sobre clientes mais velhas?

Você está usando as suas mensagens de marketing apenas para irritar, alienar e chatear a audiência que deveria estar atraindo?

Bana estereótipos da mulher sênior no seu marketing

Se a sua ideia de marketing para mulheres maduras é um casalzinho fofo de grisalhos andando pela praia, de mãos dadas e admirando o pôr do sol, você não entendeu.

Nada.

Você precisa pensar. E rápido.

Direcione mensagens de marketing para clientes mais velhas

Ok, já explicamos nosso ponto. E você já entendeu. Tratar as mulheres 40+ como um grupo homogêneo é loucura.

Agora, você precisa desenvolver a mensagem de marketing correta para cada audiência. Como?

Fácil. Visualize um cliente de salão que você conhece bem e tente pensar como ela:

– O que ela veste?

– O que ela faz no tempo livre?

– Quais os seus tratamentos de salão e beleza favoritos?

– Onde ela faz compras?

– Quando ela visita seu salão?

– E, mais importante, quais são as preocupações de beleza e cabelo que ela possui?

Se arme com informação para poder atingir seu público com precisão.

E jamais, JAMAIS, me chame de madura.

Fim da parte 1.